Por que se envolver com o informativo do bairro Cidade Nova o CNI - Cidade Nova informa? | Informativo Cidade Nova Informa - CNI e Biblioteca Comunitária - CNI - Oficinas CNI

Por que se envolver com o informativo do bairro Cidade Nova o CNI - Cidade Nova informa?

Marcelo Botura Souza

Tendo essa pergunta por norteamento, vamos entender. E nada mais  justo que um professor que esta fora de nossa realidade, bairro Cidade Nova, para com suas palavras nos esclarecer e demostrar outro ponto vista.

O educador Elir Battisti tem formação nas áreas de filosofia, história e economia e uma longa carreira docente nos Ensino Médio e Superior bem como junto ao terceiro setor (voluntário), onde fez vida teoria e teoria vida.



Professor: Elir Battisti

O livro Felicidade uma viagem com grades pensadores da humanidade: o que eles disseram? Orientações para a vida 


Reponde claramente a questão do porque ajudar a sua sociedade que você reside e as entidades sem fins lucrativos do seu bairro. (Para o Cidade Nova o informativo - CNI).


Ação voluntária, além de proporcionar a auto-realização para que a desenvolve, contribui para tornar a pessoa melhor, mais simples, mais humana, mais solidária e generosas.

Se você não se sentir capaz, não dispuser de tempo ou motivação para ação voluntária, poderá, ao menos, contribuir para entidades que atuem em prol de causas sociais. Ao fazê-lo, você poderá evitar que se crie no futuro o marginal que vai atingi-lo de alguma forma e, sobretudo, contribuirá para sociedade melhor, pois como disse o filosofo e teólogo alemão Albert Schweitzer: “De uma coisa eu tenho certeza: os únicos dentre vós que serão felizes, serão aqueles que buscarem e acharem o segredo de como auxiliar os outros”.

Portanto, não se omita, seja solidário. É preciso acreditar que outro mundo é possível. E pequenos gestos poderão produzir mudanças significativas. Felizes os que estão atentos às necessidades dos outros sabem se sentirem indispensáveis, porque serão portadores de alegria. (BATTISTI, 2011, p. 135-138).


Fica então esclarecido depois deste relato do professor Elir do dever que temos em ajudar e não podemos nos omitir para com a realidade a sua volta e cumprir com  o nosso dever de cidadão ajudando os outros.

Referência:
BATTISTI, Elir. Felicidade uma viagem com grades pensadores da humanidade: o que eles disseram? Orientações para a vida. Francisco Beltrão: Grafisul, 2011.

Para adquirir o livro:
E-mail: elirbat@hotmail.com

Reportagem Marcelo Botura Souza