CNI participou do Fórum da Comunidade da Unioeste | Informativo Cidade Nova Informa - CNI e Biblioteca Comunitária - CNI - Oficinas CNI

CNI participou do Fórum da Comunidade da Unioeste


No dia, 15 de fevereiro de 2017, a Associação Cidade Nova Informa - CNI foi convida pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), no campus de Foz do Iguaçu para participar da segunda sessão plenária do Fórum da Comunidade da Unioeste. O objetivo do evento é aproximar a Universidade com a sociedade que a circunda.

Nesta segunda sessão será lançada o projeto UniNaCidade, que tem como objetivo a apresentação dos conhecimentos científicos ligados à comunidade para a própria comunidade, e o tema do encontro será “Que universidade queremos? ”.A Unioeste está disponível a receber sugestões de ações como palestras, minicursos, oficinas e outros, para serem desenvolvidos pela Instituição durante o mês de abril. Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail dgd.foz@gmail.com ou fone (45) 3576-8135

Reportagem que saiu na "Gazeta Diária" ligado ao tema dito acima: UniNaCidade quer levar ensino e pesquisa para comunidade

Desenvolvimento de conhecimentos científicos ligados à comunidade para atender demandas da própria comunidade. Essa é a proposta do projeto UniNaCidade, que o campus de Foz do Iguaçu da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) apresenta em fevereiro e pretende levar a várias regiões do município em abril. Inicialmente, a ideia do projeto é divulgar entre os envolvidos que a indissociabilidade apontada na constituição e princípio da universidade é de fato necessária e face de um mesmo processo. A partir de um levantamento prévio das necessidades da população atendida pelo campus da Unioeste, serão organizadas as atividades como palestras, minicursos, oficinas, entre outras atividades. “Esperamos três resultados do conjunto de ações: primeiro, promover uma integração maior da Unioeste com a sociedade que a circunda; segundo, fazer uma devolução dos conhecimentos científicos e profissionais obtidos junto aos campos de estágio e de pesquisa que utilizamos cotidianamente e, por fim, também queremos evidenciar socialmente o papel da universidade no desenvolvimento local e regional, com uma mostra dos conhecimentos produzidos pela Unioeste”, explica o diretor do campus, Fernando Martins. (Marcos Oliveira Especial para Gazeta/Foto: Divulgação)